Ao Som de 2016!

 

 

Finalmente 2016!

 

Se você é um daqueles leitores que passou o ano de 2015 reclamando porque não achou aquele amor ou aquela paixão que esperava, que passou o ano meio parado, este texto é especialmente para você!

 

Que tal começar 2016 fazendo uma coisa diferente?

 

Você sabia que dançar pode ser uma atividade fantástica para trabalhar sua sensualidade e autoestima?

 

Pois é! A dança é uma ferramenta muito importante para trabalhar o corpo e a mente. Ela pode nos ajudar a conhecer melhor nosso corpo e a usa-lo a nosso favor. Além de facilitar e muita a paquera.

 

Quem é que não para pra ver uma pessoa dançando? Quem nunca trocou uns beijinhos durante uma música romântica?

 

E não me venha com essa história que a galera com deficiência não dança! Hunf!

 

A gente dança, sim! E a dança já foi “cúpido” de muitos casais, viu!

 

Se você ainda tá nessa que não se acha sensual, que não sabe paquerar, que não acha ninguém bacana, que se acha desengonçado, segue a dica da tia: Vai dançar e depois me conta!

 

Às vezes é preciso sair da “caixinha” e ver que há um mundo de possibilidades muito bacanas para ser vivenciado e explorado.

Dançar pode ser uma oportunidade muito especial experimentar um lado diferente da sua sensualidade e deixar aflorar essa “vibe”!

Tem vergonha? Encara um personagem e vai! Chama um amigo!

 

Não conhece um lugar bacaba? Manda uma mensagem para a gente que te indico vários lugares legais com gente que mostra que dançar é para todo mundo!

 

Que tal? Vamos tentar!

Paula Ferrari e Fernando Coelho. Campeonato de Dança realizado em 2014 - Acervo pessoal

Sinta-se à vontade para participar de forma ativa desta coluna trazendo suas dúvidas. Elas serão respondidas na próxima publicação.

Caso não queira que seu nome apareça, coloque no corpo da mensagem "por favor, não publicar meu nome".

 

Aproveite, tire suas dúvidas e sugira pautas! Sua participação é importante para nós!

© Copyright Tendência Inclusiva  2014 / 2020